Curso de Japonês: Básico – Gramática – Verbos e partículas Part 3

ebook-728x90

Quando a localização é o tópico

Em alguns casos, a localização de uma ação é também o tópico de uma sentença. Você adicionar as partículas 「は」 e 「も」 às três partículas que indicam localização (「に」, 「へ」, 「で」) quando a localização também for o tópico da sentença. Se você não lembra o que é tópico, veja nosso post sobre a partícula de tópico. Vejamos alguns exemplos:

ボブ:学校に行った?- bobu: gakkou ni itta? –  Bob: Você foi para a escola?
アリス:行かなかった。- arisu: ikanakatta. – Não fui.
ボブ:図書館には?- bobu: toshokan ni wa? – E para a biblioteca?
アリス:図書館にも行かなかった。- arisu: toshokan ni mo ikanakatta. – Também não fui para a biblioteca.

Nesse exemplo. Bob começa a falar de um novo tópico (a livraria), assim, a localização torna-se tópico.  「図書館には?」 é uma abreviação de 「図書館には行った?」, que pode ser entendida pelo contexto.

Mais um exemplo:

ボブ:どこで食べる?– bobu: doko de taberu?- Onde vamos comer?
アリス:イタリアレストランではどう?- arisu: itariaresutoran de wa dou? – Que tal um restaurante italiano?

Bob pergunta “Onde vamos comer?” e Alice sugere um restaurante italiano. Numa frase do tipo “Que tal…”, normalmente há um novo tópico, pois a pessoa está sugerindo algo novo. Nesse caso, a sugestão é o restaurante, que torna-se o tópico da sentença.

Quando um objeto direto é o tópico

A partícula de objeto direto é diferente das partículas de direção e não é possível usá-la com nenhuma outra partícula. Seguindo a lógica da última parte, você pode pensar que podemos fazer algo como 「をは」 expressando um objeto direto e um tópico ao mesmo tempo. Infelizmente, isso não é correto. Um tópico pode ser um objeto direto somente com a partícula somente 「は」. De fato, um tópico com a partícula 「を」  seria errado. Vejamos os exemplos:

日本語を習う- nihongo wo narau – Aprender japonês.
日本語習う- nihongo wa narau – Sobre japonês, eu aprendo.
Tome cuidado para não cometer o seguinte erro:
日本語をは習う – < ERRADO

Ficamos por aqui, espero que tenham gostado da lição! Abraços e não deixem de conferir algumas das nossas sugestões de livros de japonês:

Esse post é uma tradução/versão do Tae Kim’s Japanese Grammar Guide, feita por Mairo Vergara

Assine nosso blog e receba nossas atualizações via e-mail! 

This entry was posted in Curso de japonês and tagged , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *