Primeiro falamos, depois escrevemos… Nada disso!

ebook-728x90

Faz um bom tempo que não escrevo nada aqui no blog, não é mesmo? As vida está cada vez mais corrida, mas não pensem que esquevi do blog e dos leitores, eu ainda tenho muitos planos para melhorar o site, trata-se apenas de uma questão de… tempo. Hehe. 

Hoje eu gostaria de falar um pouco sobre a nossa tradicional idéia, ou clichê, como eu gosto de falar, de que aprendemos uma língua primeiramente falando, só para depois aprendermos a ler e escrever. É baseando-se nisso que temos cursos de japonês usando romaji e com um enfoque na “conversação”. Pois deixe eu dizer uma coisa para vocês…

Quando você nasce, vc nasce falando? Você sai da barrigada de sua mãe falando “cheguei, finalmente, meu nome é fulano de tal, tenho 1 dia de vida, blábláblá“! Não, claro que não… e demora um bom tempo para você falar alguma coisa. Bons anos, mesmo assim depois de uns 5 anos o seu vocabulário ainda é bem elementar… embora obviamente você fale e entenda fluentemante. O que eu quero dizer: nós não aprender um idioma primeiramente falando, mas sim escutando! Um criança leva um ano inteiro, escutando seu idioma 24 horas por dia, 7 dias por semana, 4 semanas por mês, 12 meses por ano escutando seu bendito idioma, para só depois de um ano falar um simples “papai” ou “mamãe”, ainda bem difícil de entender. 24x7x4x12=8064 horas!!!! 8064 horas de exposição ao idioma, isso em apenas em um ano… pois é isso que você precisa, 8000 horas de japonês! Com certeza você vai falar “papai” e “mamãe” muito bem depois de escutar 8000 horas de japonês, hehe. Pois comece AGORA, basta contar suas horas, sem mistério.

Então antes de ir para a aula com abordagem comunicativa, ou antes de sair falando que “aprendemos primeiramente falando…”, pense bem nisso. E quem discorda, por favor escute 8000 horas de Chinês, Japonês, Finlandes, Suéco, o que for, e depois venha conversar comigo.

Veja os melhores preços de livros de japonês, livros de kanji, dicionários de japonês, DVD de Anime e Manga!

 

Gostaria de receber dicas de japonês direto no seu email? Basta digitar seu e-mail aqui e clicar “Assinar”

This entry was posted in Dicas para aprender japonês and tagged , , . Bookmark the permalink.

3 Responses to Primeiro falamos, depois escrevemos… Nada disso!

  1. Kamashi says:

    Quando somos crianças, esse tempo todo que demoramos para dizer “papai” não quer dizer que fomos absolutamente passivos e que foi em vão. Nesse tempo a criança está na fase de reconhecimento dos sons e os fica treinando até sair um som. Ela faz isso inconcientemente. Isso é incrível!

  2. kakaroto says:

    Pa-ra-béns!
    Mas o problema é achar uma radio…
    a TV ou uma pessoas que fala japones fluentemente.

  3. Mairo says:

    A solução para seu problema chama-se INTERNET 🙂

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *